Confira algumas alternativas para diminuir as manchas e cicatrizes na pele

Veja como tratar manchas e cicatrizes para que sumam mais rápido e evite que novas surjam com uma rotina de cuidados

Ter uma pele uniforme e livre de espinhas, manchas e cicatrizes é o desejo de muita gente. Mas quem passa por isso sabe que o processo pode ser longo, principalmente se não tomar os cuidados devidos. 

Para ter efeitos mais rápidos nisso, é essencial utilizar produtos com solução clareadora, que tratam manchas e cicatrizes e uniformizam a pele. No entanto, outros passos e cuidados também podem melhorar essa aparência. Veja a seguir!

5 dicas para diminuir manchas e cicatrizes da pele 

Os cuidados diários com a pele são a melhor maneira de conquistar uma pele saudável. No entanto, é preciso saber o que fazer para não errar nos processos e acabar prejudicando mais do que ajudando. 

Além disso, é preciso saber que acabar com manchas e cicatrizes é um processo longo, pois depende da renovação da pele. 

Por isso, é interessante combinar produtos esfoliantes, que retiram a primeira camada de maneira suave e estimulam a renovação, e também produtos clareadores.

 Vamos ver alguns cuidados?

1. Limpe bem a pele 

Esse é o passo mais importante para quem quer tratar manchas e cicatrizes e ainda evitar que novas espinhas apareçam. A limpeza da pele é essencial, pois garante que os poros fiquem limpos, diminuindo as chances de inflamação. 

Além disso, também ajudam os produtos que tratam manchas e cicatrizes a agirem melhor, já que não estarão em contato com oleosidade e sujidades. 

Por isso, lave o rosto com um sabonete facial para seu tipo de pele diariamente, até duas vezes ao dia, principalmente na parte da noite, antes de dormir.

2. Use protetor solar diariamente

Já ouviu falar que o melhor clareador é o protetor solar? Pois é, e isso é verdade. Afinal, ele bloqueia os raios que causam a pigmentação, fazendo com que a pele que está sendo renovada chegue menos manchada. Ou seja, acaba com as manchas mais rápido. 

Use todos os dias, mesmo quando estiver nublado, e reaplique no meio do dia. Uma ótima dica também é utilizar protetores com cor, que criam uma barreira física, evitando ainda mais que os raios solares pigmentem a região. 

3. Use produtos esfoliantes

A renovação da pele é o que faz com que as manchas e cicatrizes sumam, pois as primeiras camadas vão sendo retiradas enquanto a pele é renovada. Esse processo acontece naturalmente, mas os esfoliantes podem contribuir com isso, acelerando esse processo.

Nesse caso, é indicado utilizar esfoliantes químicos, como o ácido glicólico ou o retinol. Use-os sempre à noite, lavando bem o rosto de manhã e aplicando protetor solar sempre. No começo, prefira intercalar os dias entre ácidos e hidratantes. 

4. Use clareadores

Além dos ácidos esfoliantes, é possível utilizar os clareadores, que também estimulam a esfoliação, mas agem mais especificamente “quebrando” as células de pigmento, diminuindo a intensidade. 

Entre as opções estão o ácido mandélico e a niacinamida, que podem ser utilizados principalmente à noite. E nunca abra mão do protetor solar no dia seguinte. 

5. Hidrate sempre a pele 

Outro passo que não pode faltar. A hidratação é essencial para manter a barreira cutânea da pele saudável, principalmente se estiver fazendo o uso de ácidos clareadores. 

Além disso, é ela que auxilia na cicatrização de espinhas e inflamações. Por isso, use diariamente, principalmente no dia seguinte após usar ácidos. Uma dica é utilizar cremes regeneradores, que ajudam a pele a se recuperar e renovar depois das esfoliações. 

Lembre-se: acabar com as manchas e cicatrizes é um processo longo, mas seguindo uma rotina de cuidados, é possível ter resultados mais rápidos. Além disso, lembre-se de evitar cutucar cravos e espinhas, para não criar novas manchas. 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.