Fertilidade: conheça os alimentos que contribuem

O sonho de engravidar é algo difícil para alguns casais, pois várias questões podem dificultar e adiar uma gravidez. Conhecer dicas que ajudam na fertilidade, por exemplo, pode ser o caminho para tornar o seu sonho uma realidade.

O cuidado com a saúde é muito importante em várias fases da vida, principalmente para as mulheres que desejam ser mães. 

Consultar o seu médico de confiança para fazer exames de rotina e ver se está tudo certo é o primeiro passo para se preparar para descobrir coisas importantes sobre fertilidade.

Essa atenção especial com a saúde também deve ser feita com a alimentação, porque, a forma como nos alimentamos pode influenciar nas questões de fertilidade, por isso se atentar a esse detalhe é essencial para aumentar a fertilidade.

Alimentos de uma cesta básica campo grande ms, por exemplo, podem ajudar e muito a ter uma alimentação saudável e assim você pode aumentar a sua fertilidade.

Antes de organizar a sua alimentação focada em aumentar a fertilidade, entender melhor o que é fertilidade e outras questões relacionadas ao assunto é um jeito de cuidar da saúde com um todo e assim realizar seu sonho.

O que é fertilidade?

Fertilidade é um termo empregado para categorizar a capacidade de produção de algo com facilidade. 

Para que o processo de fecundação aconteça, são necessários óvulos maduros de boa qualidade e espermatozoides com excelente mobilidade e formas normais. 

Deste modo, com pelo menos um conseguindo penetrar no óvulo, a fertilização pode acontecer entre 24 a 48 horas após a ovulação, período conhecido como período fértil.

Depois da fertilização, o embrião é direcionado ao útero, que foi “previamente” preparado pelos hormônios, para que ocorra a implantação no endométrio, camada interna do útero que forma o “ninho” para o bebê.

Esses são processos muito importantes para que a gravidez aconteça de forma espontânea. Cada uma dessas etapas deve ser analisada com cautela, principalmente em casos de dificuldade de engravidar.

Algumas pessoas precisam ter um cuidado a mais e entender as questões de fertilidade, ou seja, podem chegar a ter de fazer um tratamento complexo para conseguir engravidar. Esse processo é tão importante quanto um tratamento de água.

Alimentos que ajudam na fertilidade

Saber o papel que a alimentação tem na produtividade é um jeito de conseguir se alimentar bem e assim melhorar, aumentar a sua fertilidade.

Os alimentos que ajudam a aumentar a fertilidade são os que contribuem para a produção dos hormônios sexuais e estimulam a formação de óvulos e espermatozoides.

Alimentos ricos em zinco, vitamina E, ácidos graxos, vitamina B6, ômega 3 e 6 são ótimos aliados para aumentar a fertilidade.

Sendo assim, para aumentar a fertilidade tanto da mulher como do homem é interessante inserir na alimentação:

Laticínios integrais

O leite e seus derivados integrais são absorvidos lentamente pelo organismo, garantindo assim uma menor oscilação da globulina, uma proteína que auxilia no transporte dos hormônios que estão relacionados à fertilidade.

Esse transporte é importante assim como o transporte de medicamentos que é essencial para que os itens cheguem até o seu destino e possam cumprir o seu papel.

Ovos

Ovos são uma forte fonte de selênio e vitaminas A, D e B12. A vitamina A ajuda na produção de hormônios femininos e a D auxilia o corpo na ovulação e no equilíbrio hormonal. Já a vitamina B12 atua melhorando a camada do útero que receberá o embrião, além de regular o ciclo menstrual.

Frutas

O consumo de frutas é muito importante, por isso tentar consumir ao menos três por dia e investir nas que são ricas em antioxidantes, por exemplo, é interessante porque atuam neutralizando os radicais livres e favorece positivamente a qualidade dos gametas.

Frutas cítricas são ótimas fontes de vitamina C e as frutas vermelhas possuem quantidades de polifenóis que são benéficos para a saúde.

Para manter as frutas sempre frescas e conservadas, é interessante armazená-las em uma câmara fria, por exemplo, permite manter os alimentos sempre em boas condições para o consumo.

Legumes e verduras

Ingerir legumes e verduras no almoço e jantar, dando preferência aos crus e cozidos. Essa dica é interessante, pois as fibras ajudam no controle glicêmico e a diversidade de cores desses alimentos contribuem para oferta rica de vitaminas, algo que colabora para um bom padrão de antioxidante no organismo.

Azeite

Gorduras boas são sempre bem-vindas na alimentação e o azeite é a principal fonte dessas gorduras.

A gordura monoinsaturada (ômega 9) presente em azeites de boa qualidade é benéfica para o ambiente ovariano, ajudando a reduzir as inflamações.

Proteínas magras

Quando se fala em proteínas, muitas pessoas já associam a carne vermelha e ingestão de embutidos. Não confunda estas citadas com as proteínas magras.

As mulheres que desejam ser mães devem dar preferência ao consumo de frango, peixes e proteínas mais magras. Sendo assim, churrascos preparados em uma clinica de medicina do trabalho ou em outros tipos de churrasqueira devem ser evitados.

Grãos e oleaginosas 

Quando se deseja engravidar é importante incluir os grãos e oleaginosas na sua alimentação.

Os grãos são fontes ricas em fibras e minerais que podem ajudar no controle glicêmico. Já as oleaginosas como:

  • Amêndoas;
  • Amendoim
  • Castanhas;
  • Macadâmia;
  • Nozes;
  • Pistache.

São muito indicados por serem fontes ricas em ácidos graxos poliinsaturados, zinco, selênio e vitamina E.

A recomendação, por exemplo, é de duas castanhas-do-pará por dia, quantidade ideal de minerais a serem ingeridos diariamente. Quanto às outras oleaginosas, você pode consultar um nutricionista que pode ajudar a definir as quantidades adequadas para o consumo diário.

Folhas verdes 

Alimentos como: alface, brócolis, couve, espinafre e rúcula são ricos em ácido fólico e vitamina do complexo B que melhoram a ovulação e para os homens, ajudam na produção de espermatozoides mais saudáveis.

Alimentos que devem ser evitados

Assim como há alimentos que ajudam muito na questão da fertilidade, existem os que devem ser evitados ou reduzir o consumo, pois podem prejudicar o seu sonho de ser mamãe.

Esses alimentos são:

Café e bebidas alcoólicas

O consumo de café não é proibido para quem deseja engravidar, mas deve ter cautela ao ingeri-lo. 

A cafeína prejudica a capacidade do organismo de absorver nutrientes importantes, cálcio e ferro, que são muito importantes para a fertilidade. O café em excesso aumenta o número de radicais livres e dificulta a concepção.

A quantidade indicada para ingestão de cafeína é de 300mg por dia, o equivalente a três expressos pequenos.

O famoso drink depois do trabalho com as amigas, por exemplo, pode ser trocado por um suco ou água, pois não é apenas o café que tem essa substância, mas também outras bebidas como energéticos, chás e refrigerantes.

Fast food

Essa é uma escapada gostosa, mas que pode custar a sua fertilidade. Fast Food tem comidas com excesso de açúcares, conservantes químicos e gorduras que podem contribuir para uma piora da qualidade do óvulo e do embrião.

Sendo assim, é bom evitar o consumo de Fast Food dentro da sua empresa de jardinagem para não comprometer a sua fertilidade.

Alimentos com excesso de gordura trans

O excesso de gordura trans pode levar à obesidade, hipertensão, diabetes e outras doenças metabólicas que prejudicam muito a saúde e a fertilidade feminina. Esses quadros geram problemas circulatórios e provocam irregularidades no ciclo menstrual.

Alimentos com agrotóxicos

Alimentos com fertilizantes e agrotóxicos não são naturais e representam um sinal de alerta para qualquer dieta. Comer derivados deste tipo de cultivo pode gerar muitos problemas para a saúde, principalmente para as mulheres que desejam engravidar.

Esses alimentos são capazes de desregular o sistema hormonal, prejudicando o organismo e consequentemente a fertilidade.

Portanto, alimentos ricos em vitamina B6, vitamina E, ácidos graxos zinco e ômega 3 e 6 são essenciais para ter uma vida mais saudável e aumentar a sua fertilidade. 

A escolha dos alimentos é um processo muito importante, assim como a de uma máquina de fazer gelo em cubo industrial preço.

Alimentos que ajudam na fertilidade masculina

Assim como as mulheres, os homens também devem se preocupar com a alimentação, visando consumir alimentos que ajudam na fertilidade.

Para a fertilidade masculina, o ideal é consumir alimentos ricos em cromo, um mineral muito importante para a produção de espermatozóides. Isto posto, é interessante investir no consumo de:

  • Pão integral;
  • Ovos;
  • Pimentão verde;
  • Pão de centeio;
  • Frango.

Este último pode ser preparado em uma projeto eletrico industrial para deixar o alimento mais saudável, além de ter a possibilidade de variar no preparo.

Portanto, cuidar da alimentação é fundamental para ter uma boa fertilidade. O acompanhamento médico é outro passo importante, porque, o profissional pode solicitar exames e dar orientações que combinada a uma alimentação saudável pode te ajudar a realizar o sonho ter uma gestação tranquila.

Texto originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, canal em que você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.